Atendimento psicológico online: quebrando o preconceito.

25/04/2014

O Brasil é o quinto país mais conectado do mundo, segundo a Info Exame e 87% dos brasileiros acessam a internet pelo menos uma vez na semana, segundo o Datafolha. Com o uso da internet chegando a essas proporções em nosso país, surge a necessidade da psicologia se adequar para acompanhar esse avanço tecnológico. Ainda que um grande número de psicólogos mostre resistência ao novo modelo, será fundamental que no Brasil seja promovida a pesquisa direcionada à psicoterapia online para quebrar esse preconceito e para que este serviço possa ser oferecido com qualidade e segurança à população.

 

Atualmente a psicoterapia online não é regulamentada pelo Conselho Federal de Psicologia, sendo seu uso permitido apenas em caráter experimental. Portanto o psicólogo que trabalha online está autorizado a realizar apenas a orientação psicológica online. Qual a diferença? A orientação psicológica online é focada em demandas pontuais e tem caráter mais informativo do que interventivo, sendo realizada em até 20 sessões. Casos de transtornos psiquiátricos e com ideação suicida, por exemplo, não são tratados na orientação online. Nesses exemplos a orientação deve sensibilizar o paciente a procurar a psicoterapia presencial. Em algumas situações a orientação psicológica online pode ser a única saída para um caso: por exemplo, quando um paciente que apresente transtorno de pânico com agorafobia, caso em que o paciente não consegue sair de casa para procurar ajuda, poderá preparar-se para começar um tratamento domiciliar ou até mesmo presencial, dependendo da gravidade do caso.

 

A psicoterapia presencial é mais abrangente, pode durar meses ou anos dependendo das metas do paciente e tem caráter mais interventivo do que educativo. Nela o terapeuta fará um mapeamento mais detalhado de pensamentos, sentimentos e comportamentos disfuncionais na vida do paciente e utilizará técnicas psicológicas para promover a saúde mental. Atende desde os transtornos mentais como a depressão, transtorno de pânico, transtornos de ansiedade generalizada e transtornos alimentares até questões menos complexas como dificuldades de relacionamento interpessoal, problemas conjugais, problemas escolares, orientação vocacional ou mesmo a promoção do autoconhecimento sem nenhum problema que demande um tratamento específico.

 

Pela facilidade de acesso, dispensando tempo e dinheiro para transporte até um consultório e pela flexibilidade tanto de local (caso de brasileiros que residem no exterior) quanto de horários, a orientação online se torna uma preferência em muitos casos. Pude conversar hoje com a psicóloga Milene Rosenthal que é sócia fundadora de uma das primeiras plataformas de atendimento psicológico online no Brasil, a Psicolink. Milene afirma que é uma tendência futura a popularização da psicoterapia online, pois é o que já acontece nos países pioneiros neste tipo de atendimento. Sendo assim, tudo depende da adequação das metodologias presenciais ao estilo online e da quebra do preconceito dos profissionais ao uso do novo serviço.

 

Amábile Rodrigues Siqueira - Psicóloga em Santos - CRP 06/118851 - Consultório de Psicologia Gonzaga/Santos-SP - Atendimentos de Segunda a Sábado

Please reload

psicologa em santos, consultorio de psicologia

Amábile Rodrigues Siqueira é psicóloga pela Universidade Federal de São Paulo atuando na cidade de Santos.

Posts Destacados

3 pensamentos para questionar se você quer ter uma vida amorosa tranquila e feliz.

14/02/2019

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Amábile Rodrigues Siqueira - Psicóloga em Santos - CRP 06/118851 - Consultório de Psicologia em Santos-SP - Atendimentos de Segunda a Sábado

  • Wix Facebook page
  • Instagram ícone social

amabile.rodsiq@gmail.com

(13) 98153-9029

por Amábile Rodrigues Siqueira